sexta-feira, 15 de julho de 2011

[resenha] O Plano Perfeito - Sidney Sheldon

(sinopse) Para Oliver Russell, não existe prazer que se compare à sensação de poder. Mas quando chegar à Presidência dos Estados Unidos, saberá que poucas coisas podem ser mais devastadoras para as suas ambições políticas que o desejo de vingança de uma mulher traída. O plano perfeito narra a história de paixão, poder, traição e desforra envolvendo a publicitária Leslie Stewart e Russell, que a abandonara para se casar às escondidas com a filha de um senador influente do Kentucky, estado pelo qual se candidatou ao governo. 


O Plano PerfeitoO livro conta a história de Leslie Stewart e Oliver Russel, que há uma semana antes do casamento, Oliver se casa com outra, para deslanchar de uma vez com sua campanha para virar o presidente dos Estados Unidos. Leslie até então, se finge indiferente para a sociedade diante o fato ocorrido. O que não sabem na verdade é, que ela planeja vingança.


O decorrer do livro mostra Leslie e sua sede de vingança, mostra os passos que a mulher toma para isto. E enquanto ela está fazendo seus planos, existe um mistério que ronda pela história. Algumas mortes estão acontecendo, e ao longo do livro, você acredita saber quem o está fazendo, mas aí vem o Sidney Sheldon e muda tudo.


Para mim, e desejo de vingança de Leslie acabou a tornando chata. Porque não apenas admitir que se sente traída e está chateada de uma vez? A parte dela foi exagerada e de que adiantou a vingança? A vingança nem sempre é a melhor opção. O que me prendeu na história foi mesmo o mistério. Além de outros personagens incríveis que apareceram, como Dana Evans e Kemal.


O final foi surpreendente em parte, descobrir quem foi o autor das mortes foi tipo um tapa na cara. Nunca imaginei que seria tal pessoa. Mas enfim, é isso que Sidney Sheldon costuma fazer, e eu preciso me acostumar com isso! hahaha.
Ainda falando do final, - a parte ruim - foi que faltou algo, não sei o que, mas faltou. Talvez seja que um personagem teve a história mal acabada. 


Finalizando, esse é mais um livro do Sidney que te pega de surpresa nas últimas páginas, ainda que eu ache algumas partes fracas, vale a pena ler.

12 comentários:

  1. Adoro finais surpreendentes!
    E mesmo que tenha um personagem ou uma parte que a gente não goste muito, Sidney Sheldon sempre arrasa!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Sidney Sheldon... TODOS FALAM TAAANTO e eu não entendo como ainda não consegui ler um livro dele. kkkkkkk Minha mãe deixou vários pra mim pq ela amava! Espero um dia conseguir ler *-* kkkkkk :P Ter vontade pelo menos :P rs

    Beeeijo, nanda
    www.julgupelacapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. leia. vc não vai arrepender. em algumas partes ele é um tanto quanto exagerado, mas no geral é ótimo.

      Excluir
  3. Muito louco esse Livro Bom mesmo, afinal todos de Sheldon são ótimos!

    ResponderExcluir
  4. estou lendo e estou amando gosto mais da Dana Evans ele e demais

    ResponderExcluir
  5. to lendo aki, mas eu to achando meio confuso, pq entrou a dana sera q esse livro vai desenrolar?
    pq a dana entrou na historia assim do nada?
    alguem me explica...

    ResponderExcluir
  6. Sheldon é o cara, esse livro é fantástico, mas perfeito mesmo, em minha opinião é o "A Ira dos Anjos", quem tiver interesse em ler, eu super recomendo. (:

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo plenmente. Li A Ira dos Anjos quando tinha uns quinze anos e Jennifer Parker me inspirou muito na escolha de minha carreira como advogada, ela é incrível!!! Quase emoldurei meu diploma e fiz uma menção honrosa à personagem, rsrsrss...

      Excluir
  7. Amei o liivro, te prende de um jeito que vc não sossega enquanto não chega o fim. E qnd chega, vc se surpreende. Concordo com o autor do post, faltou sim algo no final. Fiquei desapontada com o fim de Leslie, gostaria de algo melhor pra ela. Já o presidente saiu como um quase herói.

    ResponderExcluir
  8. Livro ótimo, mas me decepcionável no final de disser de fato, com detalhes oque acontece com Peter Tager, so diz as ultimas reações dele de tentar se esconder mas acaba voltando e se sentando.

    ResponderExcluir